Sionismo

Da Metapedia

To Eliminate the Opiate
To Eliminate the Opiate

Sionismo (do hebreu Sião, um dos nomes bíblicos de Jerusalém) é uma ideologia étnico-política nacionalista judaica sistematizada por Theodor Herzl que defendia o surgimento de um estado judaico independente na Palestina (Israel).

No entanto, o sionismo converteu-se em um movimento que tem conseguido um alcance mundial e cuja finalidade suprema é a de defender os interesses judeus de toda a índole, sejam desde o ponto de vista nacionalista, econômico ou político, ainda as costas de outros povos, se transformando assim em uma sorte de supremacismo judeu.

O Sionismo Mundial, hoje, constitui a última ideologia racista ainda sobrevivente e o sionista Estado de Israel, o último posto avançado de "apartheid" no mundo. Israel constitui por sua mera existência um completo desafio a todas as leis internacionais, regras e princípios, e o racismo aberto manifestado no Estado Judeu é a violação de toda a ética e a moral conhecidas do Homem.

Origem

Moses Hess iniciou o é considerado como a base filosófica do sionismo com o livro de Roma e Jerusalém publicado em 1862. Hess, que é descrito como um "socialista e nacionalista judeu" pela Enciclopédia Judaica morreu 1875 e foi enterrado no cemitério judaico em Colónia, Alemanha. Em 1961, os restos mortais de Hess foram transferidos para o cemitério Kinneret, no norte de Israel. O livro Roma e Jerusalém apela ao nacionalismo judaico e à necessidade de estabelecer um estado nacional para os judeus. No entanto, Hess nunca usou o termo sionismo. Em vez disso, ele defendeu um estado nacional judaico baseado no socialismo. O termo sionismo foi cunhado por Nathan Birnbaum em 1890.

Em 1895 Theodor Herzl funda o Sionismo Internacional como organização política do judaísmo mundial e em 1896 publica o livro Judenstaat (O Estado Judaico). Herzl defendeu os meios práticos para a criação de um estado nacional judaico. Herzl também montou o primeiro Congresso Sionista na Basiléia, Suíça, em 1897, no qual criou-se a base para o domínio mundial conhecido com o nome de Os Protocolos dos Sábios de Sião.

Ferramentas pessoais
Noutras línguas